segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Eles mergulharam de cabeça

Deixar de lado quem você é e assumir, de forma convincente, o papel de outra pessoa, é o grande desafio da atuação. E justamente em busca desse convencimento que alguns atores e atrizes radicalizam – muitas vezes colocando em risco a saúde, os relacionamentos e, até mesmo, a sanidade mental.
Abaixo, listamos quatro atores que são exemplo do quanto alguém pode se dedicar pra assumir a pele de outra pessoa – mesmo que acabem pagando caro por essa dedicação radical.
Robert de Niro:

Imagine-se trabalhando 12 horas por mês, durante um mês, pra entender o que se passa na cabeça dos profissionais de uma determinada categoria. Foi essa a técnica utilizada por Robert de Niro nas preparações pra seu papel em Taxi Driver. Como se fosse pouco, vale lembrar que o ator – que é conhecido por discutir com outros atores durante as gravações apenas pra provocá-los a raiva necessária pra uma determinada cena – pagou US$ 5 mil a um dentista antes das filmagens de Cabo do Medo pra ter seus dentes completamente deteriorados, por acreditar que o aspecto combinaria com o personagem. Ao fim das gravações, Niro pagou mais US$ 20 mil pra ter sua arcada completamente restaurada.
Christian Bale:


Poucos atores mudam tanto e em tão pouco tempo a sua forma física quanto Christian Bale. Se, pras gravações de O Operário, em 2004, o ator chegou aos 55 Kg – com ossos e veias bem evidentes –, em 2005 Bale ressurgiu forte como nunca, 28 Kg mais pesado, para o papel de Bruce Wayne em Batman Begins. O vai e vem na balança se seguiu pelos anos seguintes, com o ator pesando 61 Kg em O Sobrevivente (2006), 86 Kg em O Cavaleiro das Trevas (2008) 66 Kg em O Vencedor (2010) e 90 Kg em O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012).
Jared Leto:

Se o assunto é aumentar ou diminuir o peso drasticamente pra interpretar alguém, outro que merece menção é o ator e músico Jared Leto. Pra interpretar Mark Chapman, responsável pelo assassinato de John Lennon, Leto engordou nada menos que 28 Kg, ficando praticamente irreconhecível. Pra se ter uma ideia, o esforço foi tão grande que, por essa época, o vocalista do 30 Seconds to Mars precisou de cadeira de rodas pra se locomover. E esse não é o único exemplo da carreira do ator: em 2001, Jared já havia ficado 11 Kg abaixo do peso pra interpretar um viciado em heroína em Requiém Para Um Sonho; ano passado, a dedicação foi ainda maior e, pra interpretar um travesti portador de HIV nas gravações de Dallas Buyers Club, o ator chegou a pesar pouco mais de 50 Kg.
Heath Ledger:

Até o lançamento de O Cavaleiro das Trevas, a escolha de Heath Ledger pra assumir o papel do vilão Coringa havia recebido diversas críticas – isso porque muitos queriam Johnny Depp em seu lugar e porque o padrão de comparação era ninguém menos que Jack Nicholson, o Coringa no filme de 1989, dirigido por Tim Burton. No entanto, a dedicação do ator foi tão grande – Ledger passou um mês isolado em seu apartamento dormindo menos de duas horas por noite pra poder entrar na pele do perturbado palhaço – que, quando o filme foi lançado, arrancando elogios por todos os lados, o ator, consumido pela paranoia e pela insônia, já havia morrido vítima de uma overdose de remédios pra dormir.
Fonte: Oi Acontece

Seja o primeiro a comentar

Blog Widget by LinkWithin

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger, Modificado por Leitura de Bolso

TOPO