sexta-feira, 27 de abril de 2012

Cara de novela: fãs estranham imagem de “O hobbit”


A Warner Bros. estava toda prosa no CinemaCon, terça (24). No teatro do Caesar’s Palace, em Las Vegas, o estúdio exibiu dez minutos do aguardado filme “O hobbit” para uma plateia de jornalistas e exibidores, filmado com tecnologia que, garantiram, vai revolucionar o cinema. Mas o trecho mostrado dividiu opiniões, e a repercussão na imprensa anda causando polêmica entre os fãs. 

O problema não é com roteiro, direção de arte ou os efeitos especiais: é que o filme é rodado e deve ser ser exibido em 48 quadros por segundo (fps), quando o padrão cinematográfico, desde o fim dos anos 1920, é de 24 fps. O resultado é uma imagem em altíssima definição, cristalina, que chocou. A revista Variety afirma que a imagem no formato “perde o brilho cinematográfico do padrão da indústria”. “O realismo dá aos personagens gerados em computador uma presença distinta, mas os atores humanos parecem iluminados em excesso e amplificados de uma forma que muitos compararam a transmissões esportivas modernas (…) e televisão diurna”, completou.

Segundo o site Badass Digest, “as imagens têm o visual de novela em TVs mal calibradas (…) Os sets pareciam sets (…) A ilusão mágica do cinema é arrancada completamente”. O FilmDrunk foi mais direto: “todo mundo odiou”.


Mas nada de pânico, fãs de Tolkien: são pouquíssimos os cinemas que possuem a tecnologia para exibir a prequel de “O senhor dos anéis” em 48 fps. E é bem possível que, com as reações negativas, o filme seja modificado até sua estreia, programada para 14/12.

Fonte: Blog Foco

Seja o primeiro a comentar

Blog Widget by LinkWithin

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger, Modificado por Leitura de Bolso

TOPO