terça-feira, 30 de outubro de 2012

Cinco razões para continuar com o Windows 7


1 – Velocidade

Embora o Windows 8 seja mais veloz que o Windows 7 em algumas tarefas, ele não traz benefícios em outras. Um teste do site Cnet mostra que não há diferença significativa em tarefas que dependem basicamente do processador, como codificação de vídeo. Além disso, no teste da Cnet, o desligamento do PC demorou, em média, 12 segundos com o Windows 8, contra 8 segundos com o Windows 7. O tempo foi 4 segundos maior (uma diferença de 51%) com o novo sistema.

2 – Aplicativos

Há cerca de 9 mil apps na Windows Store e, como mostra o blog WinAppUpdate, esse número cresce velozmente. Mas muitos deles são joguinhos e apps simples que não têm muita relevância. Outros são versões de apps já existentes para as edições anteriores do sistema. Além disso, perto dos mais de 700 mil títulos disponíveis para o iOS e dos mais de 500 mil criados para o Android, o atraso do Windows 8 é evidente. A conclusão é que, ao menos por enquanto, os novos aplicativos não são um bom motivo para migrar para o Windows 8.

3 – Menu Iniciar

A Microsoft deve achar que o menu Iniciar é antiquado, já que resolveu eliminá-lo após 17 anos no Windows. Mas o fato é que ele é prático. Com o menu Iniciar, não é preciso ficar procurando os aplicativos, documentos e configurações. Basta abrir o menu e está tudo lá. Mas não no Windows 8, que não tem menu Iniciar. Com ele, o usuário vai ter de reaprender a usar o Windows.

4 – Tela

Embora o Windows 8 possa ser usado com teclado e mouse, é evidente que ele foi projetado para trabalhar melhor numa tela sensível ao toque. Um exemplo: é fácil tocar num dos cantos para acionar a barra de charms ou voltar à tela inicial. Já clicar num canto com o mouse exige deslocar o cursor pela tela, uma operação mais demorada e menos natural. Se seu computador não tem tela sensível ao toque, a nova interface tende a parecer esquisita e menos prática que a antiga.
Outro detalhes é que o Windows 8 requer resolução mínima de 1.366 x 768 pixels para que dois apps possam ser vistos lado a lado. Muito PCs mais antigos não atendem a esse requisito.

5 – Windows 7

O Windows 7 é estável e compatível com os aplicativos e equipamentos existentes. A Microsoft vai oferecer suporte regular a ele até 2015. E ainda há um período com suporte estendido até 2020. Para o Windows Vista, o suporte estendido vai até 2017 e, para o XP, até 2014. Logo, não é preciso ter pressa de migrar para o Windows 8.
Por outro lado, a Microsoft deve soltar atualizações que vão melhorar o Windows 8 nos próximos meses. Assim, quem deixar para migrar mais tarde deve encontrar as arestas já aparadas.

Fonte: Info

3 Comentários:

Murilo Mendes disse...

Olá,
Convido você a divulgar o conteúdo do seu blog no Vidavadia.com
Estamos em constante crescimento, atualmente ja batemos uma media de mil cliques nos primeiros posts.
Aguardamos o seu cadastro e seus links.
Desde já, obrigado!
Murilo Mendes
www.vidavadia.com - Links de Qualidade!
e TENHA SEUS POSTS DIVULGADOS EM NOSSA FAN PAGE ja passa de 29 mil Curtir... e outra com 105mil
Estamos enviando mais de 1500 visitas para os posts que ficam no topo.

Linkicha - Agregador de links disse...

Esse Windows 8 tá dando o que falar... Gostei das razões pra continuar com o 7

Linkicha - Agregando ótimos links: www.linkicha.com.br

Rafael disse...

como sempre dois cornos fazendo spam, o corno do murilo mendes e o inconveniente do merda do linkicha.
E foda mesmo, ninguem respeita mais nada, o que interessa e o proveito proprio e foda-se os demais usarios e o responsavel pelo blog em que eles fazem suas merdas de propaganda.
Ja nao basta o que tem????

Blog Widget by LinkWithin

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger, Modificado por Leitura de Bolso

TOPO